Skip to content
03/07/2010 / Marcio Kohara

Mata-Mata no DTM

O formato de knockout para competições automobilisticas não é exatamente uma novidade para os fãs de rali. Afinal, todo grande evento que se preze tem a sua superespecial, uma especial cronometrada de curta distância, normalmente sediada num circuito instalado num local que possibilite uma grande aglomeração de espectadores, como um estádio de futebol, por exemplo. A superespecial não é exatamente um momento decisivo da prova, já que é um trajeto cronometrado bem curto. É tratado pelos organizadores e pelos profissionais mais como uma festa que acontece próxima dos fãs da categoria que não podem comparecer aos estágios mais importantes, normalmente são disputadas em locais menos acessíveis do que os estádios das cidades.

O Race of Champions, criado pela turma do rali, adapta este formato, fazendo com que este duelo, com a forma de disputa em formato de mata-mata, se torne o prato principal -e não apenas o acompanhamento. Com o crescimento do RoC a partir do meio da década (quando o evento passou a ser disputado em estádios centrais, como o Stade de France e Wembley ao invés do circuito das ilhas Canárias) e a entrada do Rali como modalidade do X-Games, este tipo de competição ganhou popularidade no exterior, mesmo no mundo do automobilismo disputado em circuitos. Porém, nenhuma categoria do automobilismo de pista tradicional se arriscou a adaptar este formato para as pistas.

Nenhuma? Bom, pelo menos não tinha acontecido até agora. Mas isso irá mudar. A DTM -o Campeonato Alemão de Turismo- anunciou neste sábado que irá realizar uma etapa nestes moldes em Munique em julho do ano que vem. A ideia é fazer uma etapa no estilo Race of Champions, com duelos mata-mata até que se decidam os vencedores. A brincadeira seria realizada no sub-utilizado estádio Olímpico de Munique (deixado de lado pelos clubes locais de futebol desde a Copa de 2006). Seriam disputadas tomadas de tempo no sábado e, no domingo, seriam disputados os duelos, que teriam seis voltas no traçado de 1.192 metros e incluiria uma parada nos boxes no meio do percurso.

A primeira experiência não deve contar para o campeonato, mas há a expectativa de que as próximas edições sejam válidas. Seria interessante ver uma nova modalidade de competição e se elas podem manter a emoção, ainda mais num tempo em que as ultrapassagens estão ficando cada vez mais difíceis…

Anúncios

One Comment

Deixe um comentário
  1. marcos / jul 3 2010 9:31 pm

    Não acho muito divertido ess enegócio de Race of Champions, tanto qu enunca liguei pra isso. Mas se der certo na DTM,tenho medo da moda pegar e isso debandar pra outras categorias…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: