Pular para o conteúdo
21/07/2010 / Marcio Kohara

Silly Season – WRC

Faz um tempo que não escrevo sobre o WRC… Bom, o Mundial de Rali tem a sua Silly Season, que parece mais resolvida depois do anúncio da manutenção de Sebastien Ogier por parte da Citroen para os próximo ano. Mais animado deve ser o mercado técnico, que terá grandes mudanças para a temporada que vem.

A principal novidade do WRC será a mudança radical do regulamento. Os WRCar serão aposentados, e entra em vigor uma nova regulamentação baseada na atual classe S2000 -com motor 1.6 turbo ao invés dos atuais 2.0 aspirados. Isso significará que os carros da categoria, para 2011, serão mais compactos e terão motorização diferente com o claro objetivo de atrair novamente as fabricantes, que viraram as costas para o Mundial de Rali depois da crise econômica -e a consequente saída de Subaru e Suzuki no final de 2008. Parece ter funcionado, já que a Mini -em parceria com a Prodrive- deve colocar o seu modelo Crossover na pista a partir da próxima temporada.

A Mini não entra na pista de cara. Deve aguardar um rali no meio da temporada para colocar seus carros na pista -a Autosport informa que o Rali da Itália, no começo de maio, deve ser o escolhido. Entre as atuais montadoras, a Citroen deve colocar na pista o seu novo DS3, enquanto a Ford coloca o seu novo Fiesta (ambos arrancam suspiros mundo afora pela beleza de seus respectivos desenhos). Neste primeiro momento, ainda segundo a Autosport, um dos pilotos deve ser Mads Ostberg, piloto que tem feito um trabalho razoável pela Adapta-Subaru pilotando a última versão do Impreza WRC e soma 10 pontos na atual temporada.

Novas fábricas? É provável. O WRC utilizará praticamente a mesma especificação técnica utilizada com sucesso pela série rival IRC -International Rally Challenge-, que tem diversas marcas participando (Peugeot, Skoda, Proton e Fiat oficialmente e Subaru, Mitsubishi de forma privada). Uma possibilidade que foi aventada pela imprensa europeia é a entrada da Volkswagen. Porém, esta possibilidade passaria pela saída dos alemães do programa do Dakar, o que não deve acontecer de forma imediata. Se a Volks entrasse no WRC, segundo os informes europeus, utilizaria o Scirocco.

No mercado de pilotos, as vagas nas equipes oficiais parecem definidas. Sebastien Ogier era o nome chave para o andamento do mercado. Atualmente pilotando para a Citroen Junior e com contrato vencendo no final desta temporada, o francês tinha uma proposta da Ford para se juntar à equipe oficial da Blue Oval a partir da próxima temporada. Mas Ogier renovou -como parecia disposto desde o começo, e apesar das considerações a favor da troca de ares por parte de Loeb- e ainda ganhou uma promoção. Ogier pilotará para a equipe oficial da Citroen nos ralis de terra já nesta temporada (Finlândia, Japão e Grã Bretanha). O francês é tido como o novo grande piloto da categoria, que teria condições de substituir a altura o maior de todos os tempos [Seb Loeb] -os últimos resultados mostram isso.

Quem perde a vaga na Citroen-Total, obviamente, é Dani Sordo, que vive uma temporada bem abaixo das expectativas nesta temporada. O espanhol, porém, segue no guarda-chuva Citroen, talvez com uma vaga na Citroen-Junior, sendo companheiro de equipe de Kimi Raikkonen, que deve seguir no WRC apesar da fila de dirigentes da F-1 pedindo a sua volta -Mercedes e Renault seriam as principais interessadas. Kimi sempre disse que a Fórmula 1 era passado, que seu novo desafio nas pistas era no rali. Claro que declarações nem sempre são um retrato da verdade, mas Kimi sempre pareceu mais à vontade no mundinho do WRC do que no sisudo meio da Fórmula 1.

Na BP-Ford (equipe oficial da Ford), sem a chegada do Messia…er… Ogier, tudo deve seguir na mesma. Mikko Hirvonen e Jari-Matti Latvala devem seguir como pilotos oficiais. Na Stobart-Ford (ou qualquer que seja o patrocinador da equipe satélite), deve ficar o Matthew Wilson -que vem fazendo um bom trabalho na equipe, apesar de ser filho do chefão da M-sport, equipe contratada pela Ford para gerenciar a sua ação da Blue Oval na categoria. O companheiro de equipe pode ser PG Andersson -que fez um bom rali da Bulgária pela equipe. A Monster-Ford deve correr todos os ralis na próxima temporada com o norte-americano Ken Block -e uma possível ampliação da equipe, com um segundo carro que pode ser guiado por outro piloto, como Chris Atkinson, como já foi aventado.

Por enquanto, são três as incógnitas no futuro do WRC:

1) Primeiro, entre as equipes. Não se sabe o futuro da Munchi’s-Ford, equipe com capital argentino e que tem apenas Frederico Villagra como piloto fixo. A princípio, nada foi acertado, já que os resultados não são muito expressivos -apesar de ter os mesmos equipamentos da Stobart-Ford. Segue? Tomara. É legal ver a América Latina representada no WRC.

2) Petter Solberg ainda não tem o seu futuro definido. Claro que poderia seguir com a sua equipe privada, mas a partir do ano que vem teria que adquirir um novo carro para fazer a temporada. Havia a expectativa que a Proton anunciasse a entrada no WRC tendo o norueguês como piloto, mas esta possibilidade não parece muito provavel neste momento. (e, convenhamos, Solberg tem capacidade de carregar nas costas até mesmo a equipe oficial da Ford)

3) A Pirelli não renovou o contrato de exclusividade no fornecimento de pneus da categoria. Existem os dois lados desta debandada italiana. Se por um lado é bom, já que possibilita a ampla concorrência dentro da categoria, por outro há a indefinição quanto ao produto que será utilizado pelas equipe no ano que vem, o que pode interferir no desenvolvimento dos projetos dos novos carros, inclusive. A Pirelli havia feito uma proposta para renovar o contrato de exclusividade, mas foi convencida a não fazê-lo, se comprometendo a fornecer seus produtos para a categoria no ano que vem. Além disso, a FIA mudou o regulamento dos pneus, o que exigiria investimentos dos italianos… Enfim…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: