Pular para o conteúdo
08/10/2010 / Marcio Kohara

Preview [F-1] – GP do Japão

O Grande Prêmio do Japão é a 16ª etapa da temporada 2010 do Campeonato Mundial de Fórmula 1. Tradicional integrante do fim de calendário da categoria e tradicional definidor de títulos -são 12 títulos decididos em 24 edições-, a etapa nipônica tem como sua sede o sensacional circuito de Suzuka, que fica a cerca de 50kms de Nagoya (no centro-sul do Japão). Um vídeo da BBC faz o zoom sobre a pista com relação ao globo e também dá uma vista aérea da pista, vale a pena ver.

A pista de Suzuka é de propriedade da Honda, que deixou a Fórmula 1 em 2008, nos primórdios da crise econômica mundial mas manteve a melhor das heranças para a categoria -e isso considerando o carro que a Brawn usou na temporada passada. A primeira pista japonesa a ser homologada internacionalmente é uma belíssima pista de média-alta velocidade, em formato de 8, com longas retas, desafiadoras curvas rápidas e elevações consideráveis, digna de ser considerada uma das obras primas do desenhista holandês John Hugenholtz.

A guerra…

Bernie Ecclestone viu na rivalidade entre Toyota e Honda uma possibilidade de arrancar uns dólares a mais das duas empresas. E, apesar de toda a popularidade de Suzuka, Bernie fez um leilão entre Toyota e Honda para ver quem seguia recebendo o GP do Japão. A representante da Toyota na categoria foi Fuji, a primeira a receber a categoria no arquipélago, ainda na década de 1970. A Toyota comprou a pista e entregou o projeto de reforma para Hermann Tilke, com a clara intenção de tomar a honra de Suzuka. E até conseguiu. Por dois anos, em 2007 e 2008, Fuji recebeu o GP nipônico, mas, sem dar os lucros esporados, abriu mão do acordo que tinha de revezar o direito de receber o GP do Japão com Suzuka a partir de 2009/10.

Sobre a pista, são três os principais trechos desafiadores para os pilotos. O primeiro deles são os chamados ‘Esses’, uma sequencia de curvas esquerda-direita logo no início da volta (curvas 3, 4, 5 e 6) feitas em alta velocidade. O segundo trecho é o que contém as curvas Degner (8 e 9), que compreendem uma freada em curva que não permite erros -freada na zebra entre as duas curvas quase sempre significa uma visita à brita. E o último trecho é a freada da chicane Triangle, também feita em curva depois do trecho de mais alta velocidade da pista -a reta oposta e a curva 130R, que já foi a mais difícil da pista. Percorrer estes três trechos sem cometer erros é quase certeza de ter uma boa volta em Suzuka.

O chofer…

Sim, mudamos de chofer. Eis Sebastian Vettel, que nos guia na volta a um dos circuitos preferidos dos pilotos. Hm… É, Vettel narra o preview do simulador da Red Bull em sua lingua natal, o alemão, que acredito que pouca gente que lê estas mal-escritas linhas compreenda. Mas momentos engraçados temperam a vida. Então, vale a pena dar mais destaque ao vídeo dele -e não do Webber, que você pode encontrar clicando aqui– por um pequeno mico que o alemão passa na chicane Triangle.

Olhando para o alto…

A previsão do tempo não é das mais fáceis em Suzuka. Invariavelmente existe uma variação grande no cenário meteorológico nos dias do final de semana. Este fim de semana não deve ser diferente, com chuva prevista para o sábado de classificação -com a sexta e o domingo tendo tempo seco.

Ficha técnica:

Nome oficial: Suzuka Circuit
Comprimento da volta:  5,807 km
Curvas 18 (Direita: 8, Esquerda: 10)
Recorde oficial: 1m31s540 (Kimi Räikkönen, 2005, Mclaren-Mercedes)
Número de voltas:  53
Distância:  307,471km

Localização: Suzuka, Mie, Japão
Aberto em: 1962

Agenda

Treinos livres (quinta, 07/10)
Sessão 1: entre 22h e 23h30
(sexta, 08/10)
Sessão 2: entre 2h e 3h30
Sessão 3: entre 23h e 00h

Classificação (sábado, 09/10)
Começa às 02h

Corrida (domingo, 10/10)
Largada às 03h

(treinos livres passam ao vivo no Sportv2. Classificação e corrida, ao vivo na TV Globo. Horários de Brasília)

Fotos: Wikipedia e G-Unleashed. Vídeo: Red Bull

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: